quarta-feira, 30 de março de 2011

Bolsonaro diz que Preta Gil promove surubas



O deputado do PP (RJ), Jair Bolsonaro, que é alvo de uma grande polêmica envolvendo racismo e homofobia no programa "CQC" como mostrei ontem, voltou a falar mal da cantora Preta Gil, agora no programa "Cidinha Livre", na Band Rio.

"Jamais vou pedir desculpas para a Preta Gil", disse  o deputado à apresentadora Cidinha Campos que apresenta o programa na emissora carioca. "Ela promove a promiscuidade, não gosto da conduta dela. Ela diz que participa de suruba, promove um produto de masturbação masculina", acusou o deputado.

"Deputado, o senhor tem medo de pedir desculpas? Tem vergonha de pedir desculpas?", perguntou a Cidinha. "Eu não tenho que pedir desculpas à ninguém. Não gosto da conduta dela e continuo mantendo a minha posição", rebateu. "Deputado, o senhor tem que ser um pouco mais humilde!", disse a apresentadora. "E vai ter direito de resposta no CQC na semana que vem?", perguntou Cidinha. "Que direito de resposta? Não ofendi, não disse nada demais. Eu não sou racista, minha mulher é afrodescendente", tenta justificar o deputado.

O debate continua e o deputado diz que "o mundo está caindo sobre a minha cabeça, mas quem está com a verdade não teme nada!", se defende o deputado Jair Bolsonaro. Segundo Cidinha, Bolsonaro pode perder o mandato por conta da confusão com os negros e homossexuais.

"Acredito que o Marcelo Tas vai trazer mais materias para essa discussão na segunda-feira. Obrigado pelo espaço para tentar esclarecer essa confusão toda!", agradeceu o deputado acreditando ter respondido e desfeito qualquer mal entendido. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Publicidade

Veja no Ocioso